Você Ama ou se Acostumou com a pessoa?

Amor ou Comodismo?

Muitas pessoas se pegam na terrível dúvida: Será que eu amo realmente? Essa dúvida leva então a um medo: Será que eu não me acostumei com essa pessoa?

Quando passamos muito tempo junto de alguém é natural que nos acostumemos aos trejeitos daquela pessoa. Esse acostumar nós leva a um estado confortável e de comodismo, onde temos a certeza que não precisaremos fazer nada para continuar com ela.Ama-ou-se-Acostumou-com-a-pessoa

Está a ser bom o seu relacionamento?

Será que isso é bom? Estar com alguém por puro comodismo? Se não houver amor não deveríamos ser sinceros e mesmo que doa deixar o outro seguir com sua vida?

Muitos estão nesse dilema, mas preferem ficar anos juntos com alguém que não ama de verdade. O nome dessa atitude é egoísmo, um dos piores defeitos do ser humano que não abre mão daquilo que acha ser seu.

O grande sinal de quando nos acostumamos a alguém, principalmente na área amorosa, é quando preferimos a companhia de outras pessoas do que da pessoa amada. Nesse ponto o relacionamento não evolue mais e entra em um marasmo total.

Quando você ama de verdade não consegue ver a própria vida sem aquela pessoa. Quando você está acostumado com a companhia dela, você sabe que poderia viver tranquilamente sem o outro.

O amor é um sentimento maduro, diferente do gostar que passa por aquele estágio inicial de encantamento chamado paixão. O amor não é como uma tempestade, mas como uma brisa suave que faz você se sentir bem e te leva querer ser melhor como indivíduo e para o outro.

Não impeça o outro de ser feliz. Se você não ama de verdade deixe a pessoa seguir outro rumo, mesmo que isso vá doer agora, é melhor do que perder anos da vida fingindo um sentimento. Parta para um novo relacionamento sem medo.

Quem ama não coloca o outro em uma gaiola, mas o deixa livre para estar ao seu lado por vontade própria!

Permita-se ser feliz!