Você Ama ou se Acostumou com a pessoa?

Amor ou Comodismo?

Muitas pessoas se pegam na terrível dúvida: Será que eu amo realmente? Essa dúvida leva então a um medo: Será que eu não me acostumei com essa pessoa?

Quando passamos muito tempo junto de alguém é natural que nos acostumemos aos trejeitos daquela pessoa. Esse acostumar nós leva a um estado confortável e de comodismo, onde temos a certeza que não precisaremos fazer nada para continuar com ela.Ama-ou-se-Acostumou-com-a-pessoa

Está a ser bom o seu relacionamento?

Será que isso é bom? Estar com alguém por puro comodismo? Se não houver amor não deveríamos ser sinceros e mesmo que doa deixar o outro seguir com sua vida?

Muitos estão nesse dilema, mas preferem ficar anos juntos com alguém que não ama de verdade. O nome dessa atitude é egoísmo, um dos piores defeitos do ser humano que não abre mão daquilo que acha ser seu.

O grande sinal de quando nos acostumamos a alguém, principalmente na área amorosa, é quando preferimos a companhia de outras pessoas do que da pessoa amada. Nesse ponto o relacionamento não evolue mais e entra em um marasmo total.

Quando você ama de verdade não consegue ver a própria vida sem aquela pessoa. Quando você está acostumado com a companhia dela, você sabe que poderia viver tranquilamente sem o outro.

O amor é um sentimento maduro, diferente do gostar que passa por aquele estágio inicial de encantamento chamado paixão. O amor não é como uma tempestade, mas como uma brisa suave que faz você se sentir bem e te leva querer ser melhor como indivíduo e para o outro.

Não impeça o outro de ser feliz. Se você não ama de verdade deixe a pessoa seguir outro rumo, mesmo que isso vá doer agora, é melhor do que perder anos da vida fingindo um sentimento. Parta para um novo relacionamento sem medo.

Quem ama não coloca o outro em uma gaiola, mas o deixa livre para estar ao seu lado por vontade própria!

Permita-se ser feliz!

Melhores perfumes cítricos

Os perfumes cítricos são aquelas fragrâncias bem gostosinhas, agradáveis para usar no dia-a-dia sem enjoar, dá um frescor, sensação de que acabou de sair do banho. Combina muito com o clima mais quente. Conheça também como os perfumistas se inspiraram para chegar nessas fragrâncias.

Segue alguns dos melhores perfumes cítricos:

melhores perfumes cítricos

Lancôme Ô de Lancôme

Um perfume lançado em 1969, mas atualizado que traduz a emoção simples e natural de uma grande mistura de frescor.
– Notas de saída: Bergamota, limão, mandarina, petitgrain
– Notas de corpo: Jasmim, lírio do vale, Madressilva, alecrim
– Notas de fundo: Âmbar, vetiver, musgo de carvalho, Musk

Calvin Klein CK One

O perfume que revolucionou os anos 90. Uma fragrância leve que conquistou homens e mulheres de todas as idades e está sempre atual.
– Notas de saída: Bergamota, limão,mandarina, notas verdes
– Notas de corpo: Jasmim, rosa, lírio do vale, Íris
– Notas de fundo: Cedro, sândalo, musgo de carvalho, âmbar.

Lancôme Ô de Lorangerie

Lançado em 2011, 42 anos depois de lançar Ô de Lancôme. Uma fragrância que lembra vales de uma plantação de laranjeiras francesa, fresca e vibrante.
– Notas de saída: bergamota, laranja, notas aquáticas
– Notas de corpo: Flor de laranjeira, jasmim, neroli
– Notas de fundo: Benjoim, notas amadeiradas.

Hermès Un Jardin Sur Le Toit

Esse perfume foi inspirado na cobertura da loja de Hermès, 24 da Faubourg Saint-Honoré em Paris, onde se esconde uma macieira, uma pereira, uma magnólia e diversas ervas.
– Notas de saída: Pêra, maçã, grama cortada
– Notas de corpo: Rosa, magnólia
– Notas de fundo: Musgo de carvalho, terra úmida

Yves Saint Laurent Saharienne

Um perfume de 2011 mas inspirado em uma jaqueta safari da coleção de 1968. Essa fragrância celebra a feminilidade icônica, selvagem e provocante.
– Notas de saída: Bergamota, limão e mandarina
– Notas de corpo: Flor de laranjeira, gengibre, pimenta rosa, gálbano e cassis
– Notas de fundo: Pinheiro de Tissol

Cabelos inverno – Cuide do seu cabelo este inverno

Verão é sinónimo de mar e sol, mas, após este período deparámo-nos com um cabelo desidratado e danificado. Esta é a altura ideal para cuidar dele e recuperar a beleza perdida. Os cabelos loiros necessitam de cuidados reforçados visto que o sol os deixa amarelados ou esverdeados. Com a chegada do Inverno, os cabelos lisos perdem, habitualmente, o volume e encrespam. É aconselhável então o uso de uma touca de plástico enquanto se toma banho para evitar que o cabelo apanhe humidade.

O clima seco e frio predominante no Inverno provoca o aparecimento de caspa. Desta forma, torna-se necessário lavar o cabelo todos os dias ou pelo menos dia sim, dia não, preferencialmente com champô anticaspa. Ao contrário de muitas teorias, o champô anticaspa não danifica o cabelo uma vez que atualmente estes possuem ingredientes hidratantes que deixam o cabelo impecavelmente limpo e brilhante.Hidrate o seu cabelo

Hidrate o seu cabelo

Também no Inverno, o cabelo pode ficar ressequido e fraco. Para acabar com essa tendência, há que hidratá-lo semanalmente com uma máscara hidratante à base de manteiga de karité e queratina. Se o caso for mais sério, a melhor opção será o uso de ampolas que são mais potentes.

É verdade que no Inverno, apetece um banho bem quentinho e lavar o cabelo com água a ferver. Pois é… mas não o deve fazer. A água demasiado quente prejudica o cabelo, deixando-o baço, por isso, a melhor opção é lavar com água fria ou tépida… Verá que o cabelo ficará bem mais brilhante.

Em relação ao secador, há que usá-lo moderadamente e a uma distância aproximada de 20 cm do cabelo para não correr o risco de queimar. O ideal será usar um protetor térmico que funciona como uma barreira de proteção. Aconselha-se também a utilização de um sérum para pontas secas que pode ser usado antes ou depois da secagem.

Caso esteja a pensar fazer uma coloração, mesmo que seja caseira, a posterior hidratação nunca deve ser esquecida.